Decifrando o Tabuleiro

Próxima turma:
Rio de Janeiro: sem data programada
São Paulo: 18 de fevereiro de 2017, na House of Learning – info


O Tabuleiro é um método de 22 posições. A interpretação é feita de acordo com a atribuição de cada casa, associada a um dos 22 Arcanos Maiores do Tarot, além das diferentes interações entre as mesmas, revelando projeções para o futuro, padrões de comportamento e caminhos (soluções) para lidar com as questões que precisam de maior atenção.

tabuleiro

O trabalho é 100% prático. Cada participante monta o seu Tabuleiro e é orientado na interpretação. Ele aprende com o seu próprio jogo e acompanhando o jogo dos demais. Leve o seu baralho.

O Tabuleiro pode ser interpretado com a combinação de um Maior e um Menor por casa. Para o workshop serão utilizados apenas os Arcanos Maiores sem qualquer prejuízo nas leituras. Como pré-requisito, é importante estar familiarizado com os 22 Trunfos e ter  alguma prática com outros métodos – seja um profissional de atendimento ou não.

Além do workshop, todos os participantes são posteriormente inseridos (se assim desejarem) em um grupo privado, no Facebook, onde analisamos jogos e trocamos experiências.

Workshop no RJ, no Crystal Healing
Workshop no Crystal Healing, RJ

A reserva é garantida com o depósito antecipado em conta corrente. Entre em contato comigo (99803-0970 – voz ou WhatsApp) ou com Rosa Vento para pegar os dados e depois encaminhar o comprovante.

Para qualquer outra dúvida, também pode me passar mensagem por email.

  • Priscilla Lhacer

    Fiz este curso há algum tempo. O tabuleiro é o jogo mais completo que eu conheço, a quantidade de informações que podem ser extraídas dele é impressionante. Não conheço outro professor no Brasil que apresente o método com a mesma profundidade que o Marcelo Bueno. Ele é bastante didático, conhece o assunto com profundidade e é paciente em explicar o passo a passo do processo. A cereja do bolo é que os alunos ainda são convidados a participar de um grupo no Facebook para a troca de experiência sobre suas tiragens, onde o professor continua acompanhando de perto a evolução de cada um no uso do tabuleiro.

  • Bruno Bazzoli

    O tabuleiro é um jogo que oferece um raio-x da vida do consulente. Sua proposta passa por 22 casas de significados próprios e pode combinar arcanos maiores e menores. Ou seja, é uma leitura ampla e profunda, para quem precisa traçar um panorama completo em uma jogada. Apesar de tudo isso, Marcelo consegue dialogar super bem com seus alunos e o conteúdo é transmitido de forma muito simples. Super recomendado para quem gostaria de enriquecer suas leituras de tarô.

  • Edy De Lucca

    Bem, falou em Tabuleiro, está falando de Marcelo Bueno.Ele é o grande conhecedor desse método e ensina como ninguém a aprofundar a leitura a partir de percepções finas e, as vezes, até menos ortodoxas… A sua generosidade, já manifesta no rico e aberto acervo de conhecimentos em seu brilhante blog Zephyrus, se estende quando oferece o grupo de estudos no face. Imperdível!
    Edy De Lucca

  • Nivia Peggion

    Fiz o curso com o Marcelo e desde então tenho estudado bastante o sistema. Prefiro chamar de sistema porque inclui tantas variantes e possibilidades de abordagem que acho que vai além de um método. Em um primeiro momento, alguém que ja conheça tarot e tenha um pouco de experiência pode ter a idéia de que seja algo assim A+B=C, só que não é nada disto, isto sem sombra de dúvidas seria simplificação ingênua e não indico este pressuposto sobre o sistema e nem sobre a interpretação e o olhar sobre os arcanos maiores que o professor nos brinda. Pontos altos do curso – A apresentação do sistema de forma direta e pontual que se amplia conforme o curso se desenrola. As inúmeras possibilidades de leitura que são apresentadas claramente aos alunos. E especialmente o exercício de interpretação, que repito, vai muito, muito além da visão clássica e usual das cartas, sem cair no esquisoterismo. Pontos de ajustes – Merece ser mais extenso, merece ser complementado com oficinas de prática talvez usando leituras experimentais com o acompanhamento do profe, merece credenciamento no MEC. Recomendo

  • Edna A Gonçalves

    Assisti o seu video demonstrativo e gostei muito. No entanto, ficou uma dúvida, principalmente na tiragem do LABIRINTO, pois são muitas cartas (7): Quando você vai dispor as cartas no tabuleiro, qual o critério usado para colocá-las em uma casa ou outra? Por exemplo, no LABIRINTO, por que as 7 cartas usadas foram dispostas naquelas casas específicas? Qual o critério usado? Acredito que não seja à sua escolha, pois você sabe que a casa 12, por exemplo, é a casa do Pendurado e assim por diante… Assim, a leitura seria feita de forma pré estabelecida. Desculpe se não me fiz entender bem, mas, pelo seu video não dá para entender como é feita a distribuição das cartas no tabuleiro. Ficarei muito grata se me orientar. Resido em outro Estado, e não dá para fazer um curso com você, o que me daria imenso prazer, pois suas referências como tarólogo são muito boas. Aguardo resposta. Obrigada Edna.

    • Oi, Edna. Embaralho as cartas e as distribuo conforme o modelo que você vê no post (3 linhas de 7 cartas, mais uma carta extra, que representa o tema). O labirinto é definido pelas próprias cartas: se tenho a Morte na casa do Louco, vou até à casa 13. Se lá encontro a Torre, abro a casa 16… e sigo assim até que o Louco apareça, o que me levará de volta à primeira abertura. Entendeu? ;)

      • Edna A Gonçalves

        Obrigada pela atenção.
        Ficou, ainda, uma dúvida: nos três tipos de tiragem do TABULEIRO: Tiragem Por Carta, Tiragem em Dupla e Tiragem do Labirinto, é OBRIGATÓRIO utilizar as 22 cartas dos Arcanos Maiores ou não? Se não, quantas cartas posso utilizar para cada uma dessas três tiragens?

        • Edna, o jogo é o mesmo. Eu só ensino no curso três formas de abri-lo. Seja como for, no final eu terei interpretado as 22 casas.

  • Rose Yoshimoto

    O tabuleiro é um mapa preciso e completo. Através das 22 casas, descortinam-se histórias reveladoras e profundas do nosso momento.
    E o olhar profissional e atento do Marcelo, facilita o processo de aprendizagem dessa técnica. E ele não compartilha do seu conhecimento somente nos cursos. Ele nos dá suporte também, através de grupos de estudos no face, esclarecendo, dividindo e tirando dúvidas. Super recomendado, para aqueles que buscam uma técnica de tiragem de tarô, completa, inspiradora e criativa!

  • Ivana Mihanovich

    O Tabuleiro é riquíssimo, Marcelo Bueno é um mestre incansável – e generoso como é raro ver. Para quem quer sair do óbvio, esse curso é simplesmente essencial. Se for no Arouche, então, com o acolhimento de Edy de Lucca, aí é literalmente imperdível.

  • Lá fui eu de “astróloga infiltrada”, no Arouche – Edy De Lucca, para participar do workshop (tão esperado) do Tabuleiro, com Marcelo Bueno. Tenho uma paixão confessa pelo Tarot. Ano passado uma aluna de Astrologia – que também é taróloga – fez o curso no Rio de Janeiro. Postou comentários no facebook e fiquei intrigada, curiosa e querendo estudar aquilo que a havia arrebatado e do qual ela falava tão bem. Naquele momento decidi que faria o workshop do Tabuleiro com Marcelo Bueno. Cheguei quietinha, pensando comigo “cara, aqui só tem feras do Tarot!” Acreditem, à medida que foram falando fui tendo certeza que eram todos mestres, e eu, iniciante e aprendiz. Mas corajosamente botei a atenção toda no que Marcelo ensinava. Ele é fantástico, didática irrepreensível, bem humorado, cheio de energia e domina o tema. Marcelo Bueno também é paciente e generoso ao ensinar. O Tabuleiro é algo que transcende o oracular, pois proporciona uma leitura direta e assertiva. As perguntas se tornam desnecessárias, pois a história está toda ali, no jogo aberto. Os fatos se mostram e a alma se desnuda. Fiquei maravilhada com o método que possibilita uma leitura também psicológica altamente rica. De repente começa como uma resposta a uma pergunta, e pode terminar como uma sessão de terapia altamente eficaz. Quase uma terapia breve. Recomendo o workshop, seja vc mestre, aprendiz, expert ou iniciante.

  • Ray

    O workshop foi, sem dúvidas, a melhor experiência de aprendizado dentre os cursos de tarô. Marcelo Bueno, incansavelmente generoso, demonstra um conhecimento profundo (não só do tabuleiro) mas sobre a linguagem dos arcanos em geral. O trabalho é completamente prático, pelo que, (como ele recomanda), é interessante ter alguma noção sobre os arcanos maiores.

    O que realmente me surpreendeu profundamente é o Grupo de Estudos que Bueno criou. Existe uma constante troca de conhecimento e feedbacks que permite que o estudante, realmente interessado em aplicar o tabuleiro nas suas leituras, aprofunde seu nível técnico e criativo baseado no jogo. O grupo mantém registros de leituras anteriores, assim, encontramos bastante material para estudar e entender a dinâmica do Tabuleiro. É uma fonte de estudos robusta.

    Eu achei uma experiência maravilhosa e muito rica.

  • Renata Oliveira Araujo Giannac

    Ola, sou Renata e gostaria de saber quando terá um próximo workshop sobre Tabuleiro? Obrigada! Bjs