Runas – Primeiro Ætt

As informações listadas a seguir (e nas duas outras páginas sobre o significado das letras do alfabeto rúnico) têm por objetivo passar uma idéia básica sobre a visão dos povos setentrionais no que diz respeito a temas como vida, morte, relacionamentos, oportunidades, desafios, ciclos, etc.

Enriqueça a sua leitura consultando várias fontes, incluindo livros e sites sobre mitologia nórdica, cuja as lendas se repetem em nossas próprias experiências de vida.

Adicionalmente, há dois outros segredos fundamentais neste processo de aprendizado: o primeiro é buscar se esvaziar dos seus próprios conceitos – a taça precisa estar vazia para receber vinho novo. Deixe para fazer a triagem do que é relevante do que não é numa fase 2.

O segundo segredo consiste em “calçar o sapato do outro”. Não veja as coisas do seu ponto de vida (o seu atual conhecimento do mundo), mas do ponto de vista daquelas pessoas inseridas em parâmetros muito específicos de vida (questões culturais, geográficas, econômicas, políticas, etc.). Só depois deste “túnel do tempo” você terá condições de fazer de forma correta as adaptações necessárias para os dias atuais.

Fehu, Faíhu, Foeh, Fé

Relaciona-se fortemente com a capacidade que o indivíduo possui em criar e/ou manter riqueza material, mas não necessariamente o acúmulo de bens e/ou valores. As energias da prosperidade, da fartura e da abundância devem fluir livres para que sejam constantemente renovadas em nosso dia-a-dia. Representa o fogo que tanto cria como destrói; o impulso inicial de qualquer empreendimento ou mudança de atitude. Força financeira e prosperidade no momento presente e/ou em futuro próximo . Forças psíquicas, o despertar do poder pessoal, libido, transferência de energia e boa sorte. Na saúde, o peito e as doenças respiratórias.

Uruz, Úrus, Úr, Úr

Representa a energia por trás de todas as formas e que sobrevive a todos os ciclos de nascimento e morte. Simboliza a força, a persistência, a durabilidade e a adaptabilidade. Saúde física e psíquica . Estimula a paciência, a persistência, a coragem e a aplicação da agressividade no tempo certo e sob a circunstância correta . Está associada ao crescimento e à superação dos obstáculos. Por vezes informa que se faz necessário correr riscos para que se alcance um objetivo. A verdadeira vontade do consulente ou o que ele quer Sabedoria interior . Na saúde, musculatura corporal, força e elementos afins.

Thurisaz, Thiuth, Thorn, Thurs

Þurisaz (a fonte do título não aceita o caractere correto) representa os conflitos e as complexidades de natureza agressiva. Problemas psicológicos . Força reativa, força bruta. O poder que, quando bem aplicado, rompe as barreiras/defesas e limpa o caminho para o nosso crescimento ou renascimento. Como conselho, sugere a reflexão do que verdadeiramente deve ser feito, a ação adequada à circunstância específica, independente do que consideramos ser certo ou errado, confortável ou não. Na saúde, o coração.

Ansuz, Ansus, Ós, Áss

Representa a consciência, a inteligência, a comunicação e a razão . Está associada à qualidade do ar em propagar o som, do vento em fertilizar a terra ao espalhar sementes e do prana (o conceito hindu de vitalidade) em fortalecer o indivíduo através da respiração . Os meios de comunicação . Bênçãos, especialmente ligadas à fé, e/ou o conforto que a fé oferece Inspiração Divina. A palavra, exames escritos/orais, entrevista, eloqüência, poder de persuasão, discernimento. Na saúde, a boca, os dentes e os distúrbios da fala.

Raido, Raida, Rád, Reid

Raiðo representa o correto equilíbrio entre o respeito ao direito dos outros e a manutenção dos direitos do indivíduo em particular. Também a exploração dos limites pessoais, tornando-se consciente destes limites e o que eles representam. Refere-se ao poder de uma decisão consciente e a disciplina para administrá-la . No trabalho mágico, por exemplo, é utilizada para que o indivíduo tenha mantenha o auto-controle diante de qualquer circunstância e coloque todas as peças nos seus devidos lugares. Traz consigo a idéia de liberdade e de responsabilidade moral do Self, o conhecimento do certo e do errado no desenvolvimento da consciência e a coragem de agir de acordo com esta consciência. Trabalhar com a sua força é ser responsável pelo seu próprio caminho na vida, é dirigir e não ser dirigido, é ser, dentro das possibilidades, senhor de seu próprio destino . Outro uso na magia é a de proporcionar viagens astrais e/ou jornadas de cunho espiritual, sendo também uma referência aos rituais religiosos em si . Deslocamentos físicos e viagens Ritmo, movimento ordenado e percepção de tempo e espaço. Na saúde, as pernas e as nádegas.

Kenaz, Kusma, Cén, Kaun

Significa “saber”, “estar familiarizado com” e “ser capaz de” . Está vinculada aos processos de ensino e de aprendizado Reúne os membros de uma mesma família ou “parentes de sangue”. Também os membros da mesma “tribo” ou grupo social. Representa a luz interior, a consciência de que o homem é descendente dos deuses e a responsabilidade em se passar a tocha do conhecimento para as gerações seguintes . No nível psicológico, os atributos de Ken trazem a clareza de pensamentos, a consciência do Self, a confiança na própria intuição, a determinação, o entusiasmo e a inspiração . Na magia, além de trazer o conhecimento, é a luz que afasta as trevas ou investiga/clareia situações escondidas, confusas ou desconhecidas Indica abertura de novos caminhos, acontecimentos bons apesar das dúvidas e do medo, oportunidades e informação . Relacionamentos eróticos. O poder de Fehu controlado e usado para dar forma . Na saúde, úlceras, febres, abscessos, etc.

Gebo, Giba, Gyfu, Gipt

Refere-se à troca entre indivíduos, o dar e o receber, os contratos, acordos e matrimônios. Em sua face menos poética e talvez mais realista, é a lei de compensação. Indica generosidade, hospitalidade, a habilidade de dar e receber presentes com honra, a (re)conciliação de forças opostas e a integração de forças complementares . No nível esotérico, representa os presentes (bênçãos/dons) oferecidos pelos deuses para o homem tanto quanto os presentes (lealdade e devoção) que o homem oferece aos seus deuses em retorno. Neste sentido, representa também o sacrifício voluntário de se oferecer recursos, tempo e energia ao Divino sem esperar por qualquer recompensa em troca, além do desenvolvimento do próprio potencial . É uma runa relacionada ao Amor . Na saúde, envenenamento.

Wunjo, Winju, Wynn, Vend

É tradicionalmente reconhecida como um indicativo de alegria e de prazer . Em um nível mais profundo, significa “perfeição” e, neste sentido, é a busca da perfeição em todos os empreendimentos tanto espirituais como mundanos. Também mostra a face Oski de Óðinn, “o realizador de desejos”. No ocultismo moderno, é o poder ou a realização da Verdadeira Vontade, ou seja, o Self, que é a presença de Deus (Óðinn/Oski) dentro de cada indivíduo. Indica ganhos e objetos de desejo/afeição do consulente . Sucesso em geral e reconhecimento do valor. Na saúde, distúrbios respiratórios e alívio da dor generalizada.

Continua:

Segundo Ætt – Hagalaz até Sowilo
Terceiro Ætt – Tiwaz até Othala