Quem tem medo da Corte de Espadas?

Corte de Espadas | Zephyrus Tarot
Northern Shadows Tarot

Comentava com outra pessoa o quanto considero antiquado e sem sentido qualificar a Corte de Espadas como “aqueles que só atraem prejuízo e discórdia”.

Tudo bem que a fama de Espadas nunca foi boa e fico eu insistindo no hábito de abordar esta questão de outra forma, mas, especificamente com relação a estes personagens, contraria enormemente o princípio do Tarot atribuir a qualquer lâmina características exclusivamente positivas ou negativas. A energia é uma só. Se a alimentamos com as nossas virtudes ou iniquidades é outra coisa.

Sim, todos portam arma e expressões como “levar uma facada” (ou “ser apunhalado pelas costas”, como queira) nos condicionam a um certo estado de alerta. Sim, eles podem ser meio secos e impessoais, mas muitas vezes confio mais nestes do que naqueles que estão sempre com um sorriso no rosto e prontos para dar tapinhas nas costas.

Hipocrisia, por sinal, não cai bem com Espadas, mas cabe feito uma luva na galera de Copas mal trabalhada – e que muitos amam. De novo vem a história de que não se trata da energia em si, mas o uso que se faz dela.

Dando um passo para trás, qual o significado das Figuras da Corte em qualquer leitura de Tarot?

Há quem diga que ela pode servir para descrever eventos. Eu discordo. Temos uma infinidade de cartas para descrever situações. As Figuras da Corte representam temperamentos de pessoas inseridas na questão – aliados ou opositores – ou a atitude que o consulente adota (ou deveria adotar) para lidar com o tema.

Importante ressaltar que as pessoas não SÃO o que as Figuras da Corte representam, mas SE COLOCAM momentaneamente (o tempo, aqui, é relativo) daquela forma de acordo com suas aptidões e interesses, o que significa que um Rei de Ouros no mundo dos negócios pode ser um Pajem de Copas quando se trata de relacionamentos humanos.

Ok, o texto não tem a intenção de dissertar sobre as Figuras da Corte, mas de uma Corte, em especial. Ainda assim, me limito a alguns pontos-chave. Em cursos e workshops eu me estendo mais sobre cada um deles, mas o objetivo aqui é tão somente provocar uma reflexão.

Corte de Espadas | Zephyrus Tarot
Golden Botticelli Tarot

Vale lembrar que o naipe de Espadas (elemento Ar) se refere aos desafios que surgem – e podem ser solucionados – a partir da mente (o entendimento consciente da situação). Sua Corte, obviamente, não está distante disso.

Pajem (ou Princesa) de Espadas

* Expressão da Terra (função Sensação) no elemento Ar.

* Indica alguém nos primeiros acessos a uma (fonte de) informação e/ou começa a perceber o poder das palavras.

* Tem espírito curioso e inquisitivo, raciocínio rápido, mas nem sempre correto, pois lhe falta vivência e, por vezes, algum jogo de cintura.

* Pode ser alguém que fala o que não deve (ou fala nas horas erradas) porque não pesa direito ainda as consequências dos seus atos. Também alguém que, por ser imaturo, leva as coisas ao pé da letra.

* Em um aspecto negativo, podemos, sim, ter a fofoca, talvez mais motivada pela vaidade de mostrar que sabe de algo que o outro desconhece do que pela intensão de disseminar discórdia.

Cavaleiro (ou Príncipe) de Espadas

* Expressão do Ar (função Pensamento) no elemento Ar.

* De modo geral, assusta mais por ser muito direto em suas colocações (podendo ser visto como arrogante) do por apreciar uma briga/discussão, que é o que a maioria gosta de dizer a respeito dele. Um temperamento explosivo tem mais cara de Paus.

* Possui um ritmo próprio (principalmente mental) que nem todo mundo entende ou acompanha.

* Pode ser muito amigo sem, necessariamente, demonstrar afeto – envolve-se muito mais com as ideias do que com as pessoas. É um “amigo gato” mais do que um “amigo cão”.

Rainha de Espadas

* Expressão da Água (função Sentimento) no elemento Ar.

* Sem dúvida alguma, trata-se de uma pessoa que é mais razão que emoção, o que não chega a ser um defeito, mesmo para uma Rainha, mas não deixa de ser um conflito porque são expressões de natureza opostas.

Corte de Espadas | Zephyrus Tarot
Dürer Tarot

* Imparcial e independente. Como mãe, educa para a vida. Pode se colocar em guarda quando pressente uma ameaça, mas não ficará mimando a sua cria.

* Entende-se, de modo geral, que seja uma pessoa de criação severa ou que passou por muitos problemas na vida e que hoje tem condições de aconselhar/dar suporte àqueles que passam por circunstâncias semelhantes.

* Sua projeção negativa é quando não amadureceu e faz destas experiências fardo, espada e escudo.

Rei de Espadas

* Expressão do Fogo (função Intuição) no elemento Ar.

* Representa alguém que se destaca pelo seu conhecimento e pensamento estratégico – aquele que revela o problema e aponta a solução.

* Muitas vezes pode ser visto desempenhando o papel de juiz por sua imparcialidade e poder de decisão (o veredito final é dele).

* Como a Rainha, tem natureza rígida e disciplinadora, só que ainda mais impessoal.

* Como outras figuras da Corte de Espadas, pode ter palavras afiadas que sabem exatamente onde causar dano, quer faça isso de forma premeditada ou não.

Quer acrescentar algo? Deixe seus comentários logo abaixo.

Posts Relacionados:

About Marcelo Bueno 88 Articles
Marcelo Bueno é cartomante com especialização no Tarot. Além de editor do Zephyrus Tarot, promove cursos, workshops e atendimentos com este oráculo.